Salve!

Em alguma dessas situações em que buscava referências para escrever uma biografia, li alguns trechos do livro do livro de Luís Cláudio Pereira Symanski, “Espaço privado e vida material em Porto Alegre no século XIX”. Chamou minha atenção, e guardei para mais tarde compartilhar por aqui, este trecho do livro “Minha Vida de Menina”, que foi o diário de Alice Dayrell Caldeira Brant (sob pseudônimo Helena Morley), retratando a vida em Diamantina, no fim do século XIX. O trecho revela a prática e função social do rapé:

«
Há na família um vício de todos e eu também gosto, e estou aflita pra crescer e tomá-lo, apesar de meu pai dizer que é feio. É o rapé. Quando estou endefluxada com o nariz entupido e mamãe me dá uma pitada, eu gosto muito. Acho também bonito uma pessoa encontrar com outra, abrir a caixa de rapé e oferecer uma pitada. Na minha família só a Dindinha e o tio Geraldo têm caixa de rapé, de ouro. A de tio Conrado é de prata. A dos outros é de uma coisa preta parecendo chifre. Já notei que Dindinha não perde ocasião de oferecer uma pitada aos outros só para mostrar a caixa de ouro e por isso quase a perdeu ontem na bênção do Santíssimo.»

 ~Helena Morley, Minha VIda de Menina

Há alguns exemplos lindíssimos de caixas de rapé do século XIX:

 

E para os que acharam estranho o uso do rapé, que é fumo em pó, para fins terapêuticos, encerro com este anúncio de um potente produto medicinal, no comércio já no século XX:

A Federação, Porto Alegre, 1910.

Curava todos os problemas respiratórios e estava à venda em todas as Pharmácias: Pó de Alcatrão. (Também há quem diga que vinho cura tudo, incluso o alcoolismo.) A Federação, Porto Alegre, 1910. Hemeroteca Digital Brasileira.

• • • Bônus • • •
Hapci-fr

Animação divertida de 1894, do laboratório de Thomas Edison: “Em um cinetoscópio de Fred Ott inalando rapé e espirrando.”

• • • ♦ • • •

Snuff box

Caixa de rapé com decoração de madrepérola. Feito na Alemanha, no século XIX. Acervo do MetMuseum.org. Vale a pena ver a imagem ampliada.

Att,

helga~Helga.

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.