Salve!

Esta é a quarta de uma série de postagens em Extra!, dedicadas a desenterrar alguns nomes encontrados no Garimpo. Navegue pela página principal – Nomes curiosos de A a Z, ou use a barra de navegação no menu lateral.

Mas primeiro, inicio com este

∞ Aviso aos navegantes ∞

Eu, tu, eles jamais pretendeu ofender. É possível que um nome que pertença a algum ente muito querido de algum leitor tenha-me parecido divertido por um ou outro motivo. Alguns nomes são descritos com uma pitada de bom-humor, outros com alguma dose de estupefação que a nada se deve, senão à minha ignorância : )

Por favor, respirem, relaxem e relevem!

~ Grata pela compreensão

 • • • ♦ • • •

Para ∞ C ∞ ⇑

  • • • ♦ • • •

D

  • • • ♦ • • •

∞ D ∞

∞ Dalziza ∞
link

Link – clique aqui

Alguém já conhecia? Dalziza foi batizada em Porto Alegre, 1882.

∞ Damazio ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Eu preciso confessar meu sexismo, se Damázia parece perfeitamente natural enquanto Damázio, não. Com ou sem sexismo, ambas as variações andam em desuso.
Porto Alegre, 1876.

∞ Davina ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

São Borja, 1872

∞ Deoclécio ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Não lembro de ter visto muitos Deoclécios no século passado, mas pelos meados até o fim do século XIX, tinha vários. Porto Alegre, 1861

∞ Desila ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

São Borja, 1872.

∞ Diamantina ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Além de ser nome de menina, Diamantina é nome também de uma cidade histórica e uma famosa formação rochosa no Brasil. Porto Alegre, 1912.

∞ Dinarte ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Finalmente, um nome para rimar com Duarte. Em Porto Alegre, é nome de rua. Porto Alegre, 1914.

∞ Dinore ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Ainda mais incomum que Dinorá. Porto Alegre, 1913.

∞ Dolores ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Um nome tão lindo, que quase não se vê. Porto Alegre, 1874

∞ Domitila ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Nome bonito e incomum que ficou muito marcado por Domitila de Castro,
a Marquesa de Santos. Porto Alegre, 1877.

∞ Donaire ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Um nome gracioso: Donaire! São Borja, 1873.

∞ Donatilia ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Realmente curioso, Donatilia! Porto Alegre, 1910.

∞ Dorothéa ∞
Link - clique aqui

Link – clique aqui

Ou Dorotéia, Duruthea, e assim vai. Nome que sempre existiu e do qual sempre se viu pouco. Foi portadora deste nome uma tetravó minha, e, na versão em inglês, a personagem dona dos sapatos mais preciosos do universo (para aqueles que, como eu, sonham com o advento do teletransporte para casa). Porto Alegre, 1863.

Ruby Slippers - os sapatos da Dorothy. Click! Click! Click!

Ruby Slippers – os sapatos da Dorothy. Click! Click! Click!

• • • ♦ • • •

Para ⇓ ∞ E ∞ ⇓

• • • ♦ • • •

E para encerrar, um

∞ Segundo aviso aos navegantes ∞

As compilações estão em constante crescimento e sujeitas a alterações sem aviso prévio.

— ∞ —

monogramas

 

Att,

helga~Helga.

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.